Be Fruitful and Multiply...or Not

O caminho de Deus para a bênção é o único caminho para a bênção.


INTRODUÇÃO

Deus abençoou Noé e seus filhos, dizendo-lhes: “Sejam férteis, multipliquem-se e encham a terra”.

– Gênesis 9.1

No mundo todo havia apenas uma língua, um só modo de falar. Saindo os homens do Oriente, encontraram uma planície em Sinear e ali se fixaram. Depois disseram: “Vamos construir uma cidade, com uma torre que alcance os céus. Assim nosso nome será famoso e não seremos espalhados pela face da terra”.

– Gênesis 11. 1,2 e 4

Quando a água finalmente baixou, a arca parou sobre uma montanha e os animais seguiram o seu próprio caminho. E foi assim que Noé e sua família escaparam do juízo de Deus sobre o mal no mundo. Não porque eles não tivessem pecado, mas porque creram em Deus. E Deus abençoou Noé e seus filhos e os mandou serem frutíferos, multiplicarem-se e encherem a terra. O número dos descendentes de Noé aumentou grandemente, mas eles continuavam como um povo. Não encheram a terra como Deus ordenou. Em vez disso construíram uma cidade. Depois erigiram uma torre que se elevava aos céus. Deus não estava satisfeito.      

– A ESPERANÇA,Capítulo 4

Observe e considere

Você já desejou poder ter um novo começo? Bem, depois do dilúvio, Noé e sua família tiveram o novo começo mais extraordinário da história humana. Eles receberam uma tela em branco na qual podiam começar uma história totalmente nova para sua vida. Além disto, Deus pronunciou uma bênção sobre eles (Gênesis 9.1, 7). Deus prometeu nunca mais destruir o mundo com um dilúvio... e selou Sua promessa com o primeiro arco-íris (Genesis 9.13-15)!

Que oportunidade de renovação. Infelizmente, ela nunca foi aproveitada!

Deus disse a Noé e sua família para encherem a terra. Em vez disso, reuniram-se em um lugar e construíram uma cidade. Eles queriam ser um só povo em um só lugar. Mas não era isso que Deus desejava. Na próxima lição veremos a reação de Deus à desobediência deles, mas hoje vamos refletir sobre como puderam perder uma oportunidade tão incrível de andar no caminho da bênção!

De acordo com a história de Deus, Noé e sua família entraram na arca na segunda semana do segundo mês do ano. Eles saíram da arca no dia 27 do segundo mês do ano seguinte (Gênesis 8.14-15). Se usarmos como base um calendário lunar de 365 dias, Noé e sua família talvez tenham ficado na arca um ano inteiro!  1 Pense nisso antes de prosseguir.

Quando finalmente saíram da arca, o que sentiram? O que puderam ver depois da terra ficar totalmente debaixo d’água por quase um ano? Foi uma visão estranha, terrível, ou talvez surreal?

De todas as pessoas, Noé e sua família deviam estar preparados para seguir a Deus, não importa o que vissem.

  • No mundo inteiro, só eles foram salvos do dilúvio.
  • Eles ouviram pessoalmente a voz de Deus e viram-No fazer coisas extraordinárias.
  • Deus pronunciou uma bênção sobre eles para viverem vidas frutíferas.

Mesmo assim, depois de confiarem radicalmente em Deus e experimentar a Sua fidelidade, a família de Noé fracassou em fazer o que Deus lhes havia ordenado. Ou eles não ouviram com atenção, ou ouviram mas não obedeceram. Provavelmente você já ouviu o ditado de que números trazem segurança. Talvez eles tenham ficado juntos porque tinham medo. Qualquer que seja a razão, eles desobedeceram a Deus. Eles não tentaram encher a terra.

Com base na lição de hoje, lembre que:

  • Deus queria que Noé e sua família prosperassem e “enchessem” a terra (Gênesis 9.1). Esse era o caminho para descobrir a bênção de Deus. Mas talvez para eles o caminho da bênção não parecesse ser uma bênção. O povo temia ser espalhado pela terra (Gênesis 11.4). Essencialmente, a diferença entre “encher” a terra (como Deus havia ordenado) e ser “espalhados” sobre a face da terra é a perspectiva: optar ou ser forçado.
  • Eles queriam ser famosos (Gênesis 11.4). Esta motivação orgulhosa soa muito como a atitude que levou à queda de Satanás (Lição 14).
  • Mesmo que não quisessem seguir a Deus, eles queriam chegar ao céu. Mas queriam chegar lá do seu modo – construindo uma torre (Gênesis 11.4).

Pergunte e reflita

  • Por que você acha que Noé e sua família não seguiram as instruções de Deus depois de terem visto e vivenciado tanta coisa com Deus?
  • Você consegue lembrar de uma situação na qual aquilo que Deus pediu de você inicialmente não parecia ser uma bênção, mas foi isso que acabou sendo no fim?
  • O que você diria a alguém que quer ir para o céu, mas quer chegar lá à sua maneira e não pela maneira de Deus?
  • Você é capaz de identificar-se com o “retrocesso” espiritual de Noé? Será que houve um tempo quando você confiava em Deus de forma mais radical do que hoje? Por quê? Nesse caso, o que aconteceu?

Decida e aja

Na lição anterior você foi incentivado a confiar e obedecer a Deus como Noé quando ele construiu a arca. Mas ao analisar o resto da vida de Noé, vemos uma advertência bem clara. Não deixe de confiar e de obedecer. Se você está desanimando espiritualmente, não espere para resolver isto.

O povo de Babel construiu uma torre para chegar ao céu. Da mesma maneira pessoas ao longo da história construíram seus próprios caminhos ou religiões para chegar ao céu. Só há um caminho para o céu... e é o caminho de Deus.

For Further Study

Footnotes

1How Long Did It Take Noah to Build the Ark? How Long Was Noah on the Ark? (http://www.gotquestions.org/Noahs–ark–questions.html). Retrieved October 8, 2006.
2How Major Religions View Salvation and the Afterlife. (Probe Ministries, 1995–2006). NOTE: Taken from: The Spirit of Truth and the Spirit of Error 2. Compiled by Steven Cory. (Moody Bible Institute of Chicago. Moody Press, 1986). (http://www.leaderu.com/wri–table2/salvation.html). Retrieved October 8, 2006.

Scripture quotations taken from the NASB